Judeus com
Jean Wyllys

O Brasil vive um dos períodos mais sombrios de sua história recente. Somado à desesperança, à crise de representação, à corrupção desenfreada, à perda de direitos e à lenta agonia do sistema democrático, o ódio tem se instalado como um dos elementos mobilizadores mais potentes da vida social. Ódio contra o adversário político ou ideológico, contra as minorias, contra grupos sociais historicamente oprimidos. Ele é usado para espalhar notícias falsas, estigmatizar minorias, desqualificar adversários e justificar diversas formas de violência, discriminação, opressão e cerceamento de direitos e liberdades.

Essa atmosfera prolifera fundamentalismos e novas formas de fascismo, que rejeitam a laicidade do Estado e a liberdade religiosa, constituindo cada vez mais ameaças à nossa jovem democracia. Nós, judeus, entendemos o que essas ferramentas políticas produziram na história da humanidade. Suas consequências estão gravadas em nossa memória coletiva. E por isso não podemos permanecer calados ou neutros em um momento como esse.

Como cidadãos e cidadãs, a maioria de nós sem filiação partidária, sentimos a necessidade de fortalecer um canal de expressão para uma maioria que deseja lutar contra essa forma violenta de fazer política.

Nos últimos oito anos, a voz do deputado Jean Wyllys no Congresso Nacional tem representado como poucos a resistência pacífica, democrática, corajosa e embasada contra o discurso de ódio em um parlamento tomado de refém pelas facções mais retrógradas de um sistema político apodrecido.

Defensor dos direitos civis e sociais, representante de minorias silenciadas e privadas de direitos, segue em uma luta incansável pela democracia e as liberdades individuais. Jean tem sido alvo privilegiado dos ataques dos porta-vozes do ódio, empenhados em desqualificar seu trabalho através de fake news, preconceitos e ameaças.

Autor de inúmeros excelentes projetos de lei, argumentador consistente e com uma trajetória honesta e limpa, Jean nos representa. Acreditamos que a candidatura à reeleição como deputado federal pode ser uma oportunidade de canalizar, pela via democrática o que queremos para nossa sociedade.

Por outro lado (e não menos importante para nós, enquanto judeus), Jean tem sido um parceiro fundamental na luta contra o antissemitismo. Destacando-se por sua coerência, ele tem rejeitado veementemente o discurso de ódio contra o povo judeu, inclusive, nas fileiras do seu próprio campo político, especialmente no que diz respeito às novas formas de antissemitismo que têm crescido em parcelas da esquerda. Sua corajosa defesa da esquerda sionista e sua posição equilibrada e bem informada sobre os desafios do Estado de Israel e do povo palestino mostram que não há, em seu compromisso contra o preconceito, dois pesos ou duas medidas.

É por tudo isso que viemos expressar publicamente nossa alegria pela decisão de Jean Wyllys de aceitar o desafio de concorrer nas próximas eleições, e nos colocamos à disposição para contribuir a fazer de sua candidatura uma ferramenta de luta contra todas as formas de ódio, pela liberdade, pela democracia, pelos direitos humanos e por uma sociedade mais justa, fraterna e solidária.

Adesões

Internacionais:

  1. 1) Avraham Milgram, historiador do Museu do Holocausto - Yad Vashem, Jerusalem
  2. 2) Nitzan Horowitz, jornalista e ex - membro do parlamento israelense pelo Meretz
  3. 3) Marc Levy, ex - diretor Geral dos Kibutzim Laicos de Israel (2008-2014)

Brasil:

  1. 4) Michel Gherman, co-coordenador do Núcleo de estudos judaicos e árabes da URFJ
  2. 5) Carlos Minc, deputado estadual
  3. 6) Silvio Tendler, cineasta
  4. 7) Monica Grin, professora de História da UFRJ
  5. 8) Daniel Becker, pediatra e escritor
  6. 9) Guilherme Cohen, estudante de psicologia e membro da executiva municipal do PSOL-RJ
  7. 10) Daniela Kresch, jornalista
  8. 11) Roseli Goffman, psicóloga
  9. 12) Mauro Band, ativista dos DDHH
  10. 13) Alexandre Leone, Rabino e professor
  11. 14) Giulia Tucci, Engenheira e membro do diretório estadual do PSOL-RJ
  12. 15) Julia Jarlicht Bernat, atriz
  13. 16) Breno Aboulafia, pedagogo
  14. 17) Beni Iachan, internacionalista e profissional de comércio exterior
  15. 18) Rodrigo Veloso, internacionalista, especializado em filosofia e do Setorial LGBT do PSOL-RJ
  16. 19) Celso Boianovsky, médico oftalmologista
  17. 20) Noemia Boianovsky, Jornalista, advogada e escritora
  18. 21) Paulo Miragaya, Psicólogo
  19. 22) Daniel Cohen, Administrador, filiado do PSOL-RJ
  20. 23) Ari Roitman, editor e tradutor, fundador da editora Garamond
  21. 24) Claudia Grimberg, assistente social e membro do Setorial LGBT do PSOL
  22. 25) Fabio Aboulafia, pedagogo
  23. 26) David Somberg, médico
  24. 27) Matheus Gomes Wenna, ativista de direitos humanos
  25. 28) Maria Fiszon, arquiteta urbanista
  26. 29) Judith Fiszon, sanitarista
  27. 30) Daniel F. Israel, jornalista e ativista comunitário
  28. 31) Vitor Rawet,engenheiro
  29. 32) Henrique Jablonski
  30. 33) Ezequiel Pessaj, historiador e politólogo
  31. 34) Simone Plachta, jornalista e professora de história
  32. 35) Carla Hauer, funcionária pública
  33. 36) Marcia Halfim, empresária e produtora
  34. 37) Leandro Donner, músico e videomaker
  35. 38) Eduardo Rawet, Mestre em Teoria Economia pela FEA-USP
  36. 39) Daniel Furrer, Educador e humanista
  37. 40) Laiziana Cristina Tigre, Produtora Cultural e Feminista
  38. 41) Theodoro Tigre, estudantes de Relações Internacionais
  39. 42) Lourenço Tigre, estudante do ensino médio
  40. 43) Mauro Lipman
  41. 44) Jessica toledano, economista
  42. 45) Fernanda Shcolnik
  43. 46) David Bessler, produtor musical
  44. 47) José Raphael Bokehi, Professor universitário
  45. 48) Arnon Segal Hochman
  46. 49) Mariana Temido
  47. 50) Isio Ghelman, ator
  48. 51) Anna Becker, estudante
  49. 52) Murilo Moss Barquette, músico
  50. 53) Denny Kessous, músico
  51. 54) Tamara Albu, psicóloga
  52. 55) Fernando Vugman, escritor
  53. 56) Esther Kuperman, historiadora
  54. 57) Sandra Felzenszwalbe, artista plástica
  55. 58) Marcelo Abramovitch
  56. 59) Felipe Abramovitch
  57. 60) Jeni Vaitsman, socióloga
  58. 61) Roberto May
  59. 62) Marcos Gorinstein, Cientista Social
  60. 63) Kike Rosenburt
  61. 64) Monica Roizenbruch Sales, consultora em Marketing Pessoal
  62. 65) Heliete Vaitsman, jornalista e tradutora
  63. 66) Gitel Bucaresky, professora aposentada
  64. 67) Eliane Pszczol, socióloga e ativista comunitária
  65. 68) Debora lahtermaher
  66. 69) Evelyn Silva, consultora política e ex-chaverá tnuati.
  67. 70) Fernanda Tubenchlak
  68. 71) Nelson Nisenbaum
  69. 72) Mauricio Korenchendler, estudante de história na UERJ
  70. 73) Felipe Schuchmann, ativista judeu membro do coletivo buber de Porto Alegre
  71. 74) Natalia Rosenthal, estudante de física pela universidade de São Paulo
  72. 75) Nathan Rosenthal, estudante de Direito e relações internacionais e professor de estudos judaicos do colégio Israelita de Pernambuco
  73. 76) Emil Eskenazy Lewinger
  74. 77) Tânia Maria Baibich, professora titular UFPR
  75. 78) Rita Voss, antropóloga
  76. 79) Rodrigo Baumworcel
  77. 80) Flavia Tygel, compositora
  78. 81) Gabriela Serfaty, Psiquiatra e ativista
  79. 82) Carlos Engelender, consultor de marketing e imobiliário
  80. 83) Natasha Duek, estudante de psicologia da PUC-SP
  81. 84) Rafael Arkader
  82. 85) Richard Sihel, educador
  83. 86) Thiago Herzog, historiador
  84. 87) Mauro Perelmann, músico e compositor
  85. 88) Eduardo Tolmasquim, desenvolvedor de software
  86. 89) Clara Levy
  87. 90) David Igor Rehfeld
  88. 91) Fernanda Carmi Armel, Arte Educadora e Assistente Social
  89. 92) Bruno Scala
  90. 93) Wanda Weltman
  91. 94) Eduardo Strachman. Prof. Livre-Docente, Depto. de Economia, Unesp.
  92. 95) Daniel Golovaty Cursino
  93. 96) Mauricio Galinkin, jornalista e engenheiro, editor Technopolitik Editora
  94. 97) Felipe Daniel Altschuller Carames
  95. 98) Lara Vainer Schucman- Psicologa e pesquisadora
  96. 99) Eliane Segoura Barzilay
  97. 100) Daniel Ring
  98. 101) Daniela Szwertszarf
  99. 102) Hilan Bensusan
  100. 103) Milton Botler, arquiteto e urbanista
  101. 104) Heliane Rosenthal – Jornalista
  102. 105) Andrea Naslauski, sociologa e antropóloga
  103. 106) Davi WIndholz, psicologo ativista pela paz e não violência
  104. 107) Paulo Tarnapolsky
  105. 108) Patricia Barlach, historiadora e professora
  106. 109) Ana sara Korenchendler - professora da faculdade de direito da UERJ
  107. 110) Sérgio Storch, consultor em estratégia e gestão
  108. 111) Fernando kleiman
  109. 112) Fernanda Maidel
  110. 113) Isadora Prates Dias
  111. 114) Hilda Liberman
  112. 115) Ives Rosenfeld
  113. 116) Ana Rosenblatt, defensora pública
  114. 117) Júlia Boianovsky Rios
  115. 118) Sílvio Lewgoy
  116. 119) Branca Brener
  117. 120) Marcelo Jugend
  118. 121) Esther Rapoport